atendimento (21) 3144-2089

NOTÍCIAS

News

Motoristas têm dificuldades em agendar licenciamento de veículos

O impasse sobre o procedimento para o licenciamento de veículos continua gerando transtornos para os motoristas, que relatam falta de vagas e dificuldades para conseguir a regularização, agora que não é mais preciso realizar a vistoria anual. A situação pode ficar ainda pior: ontem, vigilantes dos três postos do Departamento de Trânsito na cidade (o posto de vistoria, no Alto da Serra; o de identificação civil, no Centro; e a 5ª Ciretran) entraram em greve, por conta da falta de pagamentos da empresa Claufran Patrimonial.

De acordo com o despachante Sérgio Ferreira, após o pagamento do licenciamento, o proprietário do veículo precisa realizar uma autodeclaração, que é feita no site do Detran. Depois, o procedimento é agendar a retirada do documento em algum posto de Petrópolis ou qualquer cidade do estado.

– Depois que todos os encargos e o DPVAT são pagos e não tendo que realizar a vistoria, o motorista pode aguardar mais alguns meses. Acontece que muitas pessoas por falta de informação ou apenas por preferência optam por realizarem essa ação logo após o pagamento e acaba gerando dificuldades pela demanda – disse.

O despachante afirma, no entanto, que o Detran dá um prazo para o motorista e, se o proprietário do veículo estiver com o licenciamento de 2018 em dia, ele pode trafegar perfeitamente com seu carro por mais alguns meses, tendo que respeitar a data prevista divulgada pelo Departamento de Trânsito.

– Por exemplo, se o motorista está com o licenciamento do ano passado em dia e sua placa termina com 0 ele tem até o final do mês de maio para realizar o licenciamento – contou.

O Detran informou que são disponibilizadas, diariamente, 300 vagas para licenciamento em Petrópolis (170 no posto de vistoria e 130 na Ciretran).

Compartilhe
Confira
nossos
Parceiros